Evangelho de São Marcos - Semana Bíblica 2019

Por: Apostolado da Oração

ORIGEM

No dia 25 de abril, a Igreja Católica celebra a festa de São Marcos Evangelista, discípulo de São Pedro e autor do segundo evangelho do Novo Testamento.


DESTINATÁRIO

O Evangelho de Marcos (discípulo de Pedro) foi escrito em grego para evangelizar principalmente os romanos, e relata somente quatro das parábolas de Jesus, enfatizando principalmente as ações de Jesus. O Evangelho de Marcos, também conhecido como João Marcos, faz parte do Novo testamento e é curiosamente o mais antigo e mais curto de todos os evangelhos, e ao longo de dezesseis capítulos, podemos identificar que foi escrito nos anos 60 D.C provavelmente antes da destruição do templo de Jerusalém por volta de 70 D.C.


Símbolo do Evangelista Marcos

São Marcos é simbolizado por um leão e isso tem um motivo muito especial. É que ele começa seu Evangelho apresentando a missão do profeta João Batista. João Batista ficou conhecido como a "voz que grita no deserto". Nos tempos primitivos, o leão habitava os desertos e seus rugidos impunham temor e respeito. Por isso, São Marcos é representado pelo leão.


Lar de São Marcos

São Marcos pertencia a uma das primeiras famílias cristãs da cidade de Jerusalém. Ele não chegou a ser discípulo de Jesus, mas conheceu o Mestre. Segundo a Tradição, foi em sua casa que Jesus celebrou a ceia Pascal e onde instituiu a Eucaristia. Foi também em sua casa que cerca de cento e vinte pessoas, contando com a Virgem Maria e os discípulos, receberam a efusão do Espírito Santo no dia de Pentecostes. Por isso, sua casa passou a ser conhecida como Cenáculo, que significa “local de reunião”. Ainda criança, Marcos viu seu lar ser transformado no ponto de encontro dos cristãos de Jerusalém.


CONTEXTO HISTÓRICO

Muitos acreditam que Marcos tenha estado com Pedro durante um período marcado por duras provas de fé para muitos membros da Igreja em todo o Império Romano. Em 64 dC, Nero acusou a comunidade cristã de colocar fogo na cidade de Roma, e por esse motivo instigou uma temerosa perseguição na qual Paulo e Pedro morreram. Em meio a uma igreja perseguida, vivendo constantemente sob ameaça de morte, o evangelista Marcos escreveu suas “boas novas”. Está claro que ele quer que seus leitores tomem a vida e exemplo de Jesus como modelo de coragem e força. O que era verdade para Jesus deveria ser para os apóstolos e discípulos de todas as idades. Marcos guia seus leitores à cruz de Jesus, onde eles podem descobrir o significado e esperança em seu sofrimento.


Missão Apostólica

Levando seu manuscrito do Evangelho, São Marcos partiu em missão apostólica, depois da morte de São Pedro e de São Paulo. Segundo a Tradição, ele foi pregar na ilha de Chipre. Em seguida, foi para a Ásia Menor e, depois, ao Egito. Lá, pregou especialmente em Alexandria. Nesta cidade, ele fundou uma das igrejas que mais cresceram.


Conteúdo do Evangelho de São Marcos

Mc estrutura seu Evangelho em torno de vários movimentos geográficos de Jesus, que chega ao clímax com sua morte e ressurreição subsequente. Após a introdução (1.1-13), Mc narra o ministério público de Jesus na Galileia (1.14-9.50) e Judéia (caps. 10-13), culminando na paixão e ressurreição (caps. 14-16). O Evangelho pode ser visto como duas metades unidas pela confissão de Pedro de que Jesus era o Messias (8.17-30) e pelo primeiro anúncio de Jesus e sua crucificação (8.31).

Todo o ministério de Jesus (milagres, comunhão com os pecadores, escolha de discípulos, ensinamentos sobre o reino de Deus, etc.) está inserido no contexto do amor oferecido pelo Filho de Deus, que tem seu clímax na cruz e ressurreição.


ATUALIDADE DA MENSAGEM

Um terço do evangelho de Marcos conta os ensinamentos e as experiências do Salvador durante Sua última semana de vida. Marcos prestou testemunho de que o sofrimento do filho de Deus finalmente triunfou sobre o mal, o pecado e a morte. Esse testemunho demonstrou que os seguidores do Salvador não precisam temer; quando eles enfrentaram perseguição, desafios ou até a morte, estavam seguindo o Mestre. Eles podiam suportar com confiança, sabendo que o Senhor os ajudaria e que todas as Suas promessas seriam cumpridas. A mensagem desse evangelho ,ainda hoje, chega a todos nós cristãos que cremos que apesar das tribulações não devemos desanimar porque o Senhor é fiel em suas promessas e nunca nos abandonará.


“Ide pelo mundo inteiro e anuncie o Evangelho a toda criatura! Quem crer e for batizado será salvo” (Marcos 16, 15-16).

0 visualização

Fale Conosco

Rua José Higino, 120

Bairro Tijuca
Rio de Janeiro, RJ 20520-200

 

  • Facebook Social Icon

CURTA NOSSA PÁGINA!

© 2020 por Paróquia São Domingos de Gusmão - Tijuca (Pastoral da Comunicação)